Vivemos em um tempo onde as informações acontecem em uma velocidade cada vez mais exponencial. Onde cada vez mais a tecnologia tem avançado e proporcionado novas experiências e novas oportunidades.

Quem poderia imaginar nos anos 50 ou 60, que seria possível realizar cirurgias tão complexas em pacientes com tanta rapidez e precisão, através de equipamentos computadorizados como temos presenciado nos dias de hoje.

Ou ainda, quem poderia imaginar que ao simples toque de um touch do seu celular você poderia pagar contas, realizar compras, tirar fotos, acionar alarmes, vigiar sua casa ou empresa, e ainda fazer ligação com uma pessoa em qualquer parte do mundo por chamada de vídeo a custo zero por um simples aplicativo. E tantas outras coisas que se eu fosse listar, não teria espaço suficiente.

E com certeza muita gente se pergunta, onde vamos parar? Nessa era onde a Inteligência Artificial tem predominado, como ficam as pessoas?

E é nessa hora que eu digo que as pessoas que tiverem Atitude farão a diferença, porque muito mais do que pensar, é o “Como Pensar”.

Por mais que as máquinas estejam inteligentes, e entenda, que inteligência é a capacidade de resolver problemas, elas não possuem consciência, que é a capacidade de sentir.

Dizem que em 2029 os computadores serão tão inteligentes como os seres humanos, e em 2045 um único computador será mais inteligente que toda a humanidade junta. Mas não existe nenhuma previsão de que computadores algum dia terão consciência, ou seja, elas não poderão sentir como nós sentimos. E são os nossos sentimentos que nos impulsionam ou nos travam, dependendo da situação.

Existe uma frase que gosto muito que é “Sentir para fazer Sentido”, tudo aquilo que fazemos com sentimento, com amor, sempre sai bem feito, porque nos dá prazer.

Tenho presenciado situações onde de uma lado vejo pessoas reclamando de seus empregos, do chefe, do dia, da noite, enfim de tudo, e por outro, empresas que não estão satisfeitas com seus colaboradores, com seus resultados, que precisam melhorar sua eficiência. E nesta hora paro, analiso e percebo que são apenas pessoas fazendo “mais do mesmo”. E pergunto como querer algo diferente, se as atitudes são sempre as mesmas?

Walt Disney tem uma frase que diz: “Para começar, pare de falar e comece a fazer.”

Ou seja, não adianta reclamar que as coisas não andam bem, não adianta analisar relatórios, índices e verificar que os resultados não estão bons. É preciso sim, parar, analisar e partir para ação.

Recentemente participei de um treinamento que me ajudou a enxergar com ainda mais clareza que tão importante quando sonhar é tornar esse sonho realidade.

O Treinamento Leadership and Customer Experience: A Estratégia da Magia, realizado em Orlando/EUA, nos leva a uma imersão ao mundo Disney e lá nós vivenciamos como atitudes fazem a diferença. É muito fácil em uma situação ou problema procurarmos um culpado, que não sejamos nós, mas o problema continuará lá. Ao passo que quando nos antecipamos, ou assumimos a responsabilidade e tomamos atitudes para resolver o problema, a solução aparecerá de uma forma muito mais eficiente.

Mesmo que esta situação ou problema não seja da sua alçada ou conhecimento, mas se você assumir a responsabilidade de buscar as pessoas competentes a resolver e acompanhá-las até o final, com toda certeza, seja qual for a situação ela será resolvida com resultados excelentes, porque ao invés de se esconder atrás do “problema não é meu” ou “não é minha responsabilidade”, você tomou a atitude de resolver.

Outra coisa muito forte na imersão Disney, foi o entender com a perfeita complementariedade de comportamentos foi fundamental para que esse mundo mágico que conhecemos exista.

Walt Disney era um excepcional sonhador, com muita criatividade e um talento fora do comum, mas se seus sonhos e ideias ficassem apenas em sua mente, ou seus desenhos e projetos ficassem apenas no papel, será que tudo aconteceria da mesma forma?

Com certeza não, foi a sua metade perfeita, seu irmão Roy Disney, a parte racional, quem fez todos esses sonhos se tornarem realidades. Foi ele que junto a uma equipe e um excelente planejamento conseguiram fazer com que as ideias fantásticas, se materializassem.

“Se você pode sonhar, você pode realizar”.

Essa frase de Walt Disney é perfeita para ilustrar que não existe realidade sem antes antes ter havido um sonho, mas você não precisa e em muitas vezes não consegue, realizar só. É preciso uma equipe ou competências diferentes das suas para que se tornem realidades.

Em resumo, é preciso Atitude. Atitude para definir o seu propósito e fazer dele a sua essência, para fazer as pessoas quererem tornar realidade o seu sonho, ou sonhar junto.

Nós não teríamos o desenho da Branca de Neve, se Walt Disney não acreditasse nesse propósito. O longa metragem não existiria se ele não acreditasse que era possível e tomasse uma atitude de “vender” a sua ideia de uma forma onde as pessoas acreditassem tanto quanto ele.

Sua equipe não acreditava que um desenho de mais de uma hora de duração seria visto pelas pessoas, foi então que Walt Disney pediu para que todos saíssem da sala, e espalhou cena por cena dos desenhos desse projeto, chamou a equipe de volta e começou a contar a eles durante mais de uma hora a estória que tanto conhecemos da Branca de neve e seus 7 anões, ali exposta de papeis pregados nas paredes, e de uma forma tão envolvente, que fez com que todos não só entendessem a grandiosidade daquela ideia, daquele sonho, como fizeram com que ele se tornasse uma realidade que rendeu milhões a empresa, sendo um grande sucesso, até hoje.

E é em sua frase: “É gostoso fazer o impossível, porque lá não há concorrência”, que ele mostrou que não precisamos e não devemos esperar que os outros tomem as decisões que farão a diferença em nossas vidas. Mas sim, as nossas Atitudes que nos farão sair da mesmice, de virar resultados e de fazer a diferença em nossa própria vida e nas daqueles que estão ao nosso redor.

Por isso decida hoje mesmo ter Atitudes para fazer a Diferença!

Flavia Santos – Consultora e Palestrante